Home » » Elvis Presley

Elvis Presley

No final da década de 80 chegou nas lojas brasileiras uma caixa com 5 LPs intitulada simplesmente "Elvis Presley" (para alguns ela ficou conhecida apenas como "A caixa vermelha de Elvis"). Essa coleção era 100% brasileira e sua ideia partiu do presidente do fã clube SPEPS, Marcelo Costa. O box vinha ao mercado com o objetivo de suprir uma lacuna existente no Brasil na época. Embora em 1982 a RCA aqui em nosso país tenha relançado vários LPs de Elvis na série Pure Gold (com foco em discos dos anos 50 e trilhas sonoras) o fato era que muitos desses discos não ficaram em catálogo por muito tempo, sumindo rapidamente das lojas. Assim em 1989 havia uma escassez enorme de títulos de Elvis Presley à disposição do consumidor brasileiro. De fato não chegava nem a dez o número de títulos do cantor em nosso mercado e geralmente eram sempre os mesmos (Disco de Ouro, Elvis 10 anos de Saudades da Som Livre, Elvis in Concert, Moody Blue e alguns poucos outros que eram encontrados esporadicamente em lojas especializadas ou grandes magazines).

É bom lembrar que nessa época ainda não havia a Internet e o CD ainda era uma tecnologia disponível para poucos. Para falar a verdade a "caixa vermelha" foi o último suspiro do bom e velho vinil no Brasil. O formato já estava com os dias contados mas mesmo assim ainda respirava. A seleção musical era certeira e feita para agradar ao fã médio de Elvis Presley no Brasil. Dividido em cinco temas (anos 50, anos 60, anos 70, Inéditas no Brasil e Grandes Sucessos no Brasil) o caprichado trabalho acabou marcando época em nosso país. A direção de arte era bonita, com encarte interno explicativo sobre a importância de cada faixa com texto do próprio Marcelo Costa e o produto era muito bem acabado. Obviamente o preço era salgado o que fez muito fã juntar por alguns meses para adquirir esse pequeno sonho de consumo.

Para os fãs de longa data a caixa tinha pelo menos um grande atrativo, o LP 4 denominado "Inéditas no Brasil". Embora nem todas fossem inéditas mesmo, como por exemplo "High Heel Sneakers " que já havia sido lançada por aqui no álbum "Reconsider Baby" em 1985 o fato era que a intenção de agradar ao fã mais conceituado era muito bem-vinda. Aqui é bom abrir um parêntese para elogiar a atitude da BMG / RCA Brasil. Cientes de que ninguém conhece mais a história do ídolo do que seus próprios fãs a gravadora indicou um admirador do quilate de Marcelo para selecionar várias faixas que permaneciam fora de alcance do fã de Elvis no Brasil. Hoje em dia com a distância de um click de algumas dessas músicas fica até complicado para o jovem entender a importância dessas canções serem lançadas para o mercado nacional. Imaginar que músicas como "A Mess of Blues", lançada no começo dos anos 60, ainda permanecia inédita em nosso país era algo realmente espantoso. Na era do vinil não havia outra alternativa. E aí podemos perceber o grande legado de pessoas como o Marcelo que trouxeram esse tipo de material para o fã comum.

Porém contra o avanço da tecnologia não há defesa. O mundo avançou muito na virada da década de 80 para a 90. O CD se popularizou, ganhou o espaço do antigo disco de vinil e em pouco tempo a caixa vermelha se tornaria obsoleta. O vinil morreria e a Internet romperia com esse tipo de limitação, pois o fã de Elvis teria acesso a qualquer canção na hora que quisesse, sem rodeios. De qualquer forma deve-se reconhecer a importância desse box, único no mundo, dentro da discografia brasileira de Elvis Presley. Em tempos mais românticos ter uma coleção dessas em casa era seguramente uma grande aquisição do saudoso astro. No tempo da máquina de escrever e do disco de vinil "Elvis Presley" realmente reinou em nossas prateleiras. Bons tempos.

Elvis Presley (1989) - DISCO 01 ANOS 50 - That's All Right / Good Rockin' Tonight / Heart Break Hotel / Money Honey / Blue Sued Shoes / Tutti Frutti / Hound Dog / Don't Be Cruel (To A Hearth That's True) / Love Me / Readdy Teddy / (Let Me Be Yoyr) Teddy Bear / All Shook Up / (You're So Square) Baby, I Don't Care / Lawdy Miss Clawdy / I Got Stung / Loving You / King Creole / Hard Hearded Woman / A Big Hunk Of Love - DISCO 02 - ANOS 60 - Stuck On You / Can't Help Falling In Love / Return To Sender / Little Sister / C1mon Everybody / Guitar Man / Too Much Monkey Business / Big Boss Man / Almost In Love / U. S. Male / Edge Of Reality / Rubberneckin' / Memories / If I Can Dream / In The Ghetto DISCO 03 - ANOS 70 - Polk Salad Annie / The Wonder Of You / Let It Be Me (Je T'appartiens) / I've Lost You / Patch It Up / The Impossible Dream (The Quyest) / Raised On Rock / Always On My Mind / Promised Land / Trouble / Hurt / Way Down / Moody Blue - DISCO 04 - INÉDITAS NO BRASIL - Ain't That Loving You Baby / A Mess Of Blues / Fools Fall In Love / High Heel Sneakers / All I Needed Was The Rain / Wonderful WQorld / Let's Be Friends / Kentucky Rain / It's Only Love / Snowbird / The First Time Ever I Saw Your Face / Life / Vosom Of Abraham / Good Time Charlie's Got The Blues - DISCO 05 - GRANDES SUCESSOS NO BRASIL Love Me Tender / Jailhouse Rock / Are You Lonesome Tonight? / No More / It's Now Or Never / Kiss Me Quick / Suspicious Mind / Sweet Caroline / Bridge Over Troubled Water / Sylvia / Burning Love / My Boy / My Way.

 Pablo Aluísio.

4 comentários:

  1. Essa caixa eu vi na última feira do vinil (dia 7 de setembro de 2012) aqui em SP por R$ 100,00. Senti uma coceira nos dedos para comprá-la. Mas infelizmente não deu. Mas tudo bem, voltei com o Elvis Now, In Concert, 50th Aniversary e o On Stage. Detalhe, vi essa caixa em dois lugares, haviam duas caixas na feira. Mas eu pensava aqui: Hoje o verdadeiro fã faz o inverso. Mesmo com o avanço da internet e a disponibilidade de termos além dos discos oficiais, os FTDs, é a hora que eu particularmente saio na caça dos vinis de Elvis. E acho. Bela postagem irmão. Sou fã dos seus textos.

    ResponderExcluir
  2. Adoro vinil.

    Tenho a discografia brasileira completa em vinil e não vendo por preço nenhum no mundo. Inclusive entre as preciosidades tenho toda a discografia dos anos 70 em vinil, originais da época,importados, inclusive com os plásticos, tudo em excelente estado. Sempre quando encontro algum vinil de Elvis compro.

    Abraços,
    Pablo Aluísio.

    ResponderExcluir
  3. minha mãe quebrou uma caixa dessa interira kkkkkkkkkk só porque eu tinha jogando fora uma porcaria do trio parada dura kkkkkkk ela ficou revoltada e quebrou minhga coleção toda kkkkkkkkkkkkkkkk
    nunca mais achei essa coleção.

    ResponderExcluir
  4. Avaliação:
    Produção: ★★★★
    Arranjos: ★★★★
    Letras: ★★★★
    Direção de Arte: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 8,6

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Elvis Presley - Tomorrow Never Comes

Elvis Presley - Tomorrow Never Comes Tomorrow Never Comes (E. Tubb / J. Bond) - Um caso interessante em que o arranjo mais forte por part...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates