Home » » O Natal com Elvis!

O Natal com Elvis!

De todas as datas e feriados do ano, o Natal era particularmente adorado por Elvis Presley. Ao longo da vida procurou sempre desfrutar a noite de natal ao lado de seus familiares, amigos e namoradas. Elvis, que era muito próximo de sua mãe, sempre se lembrava dos natais que passou ao seu lado, quando era apenas uma criança em Tupelo e Memphis. Não é para menos. Quando seu pai foi preso, por ter falsificado um cheque, Elvis só tinha uma pessoa para celebrar a noite de natal: sua querida e estimada mãe Gladys. Mesmo absurdamente pobres, Gladys jamais deixou Elvis de mãos abanando nessa data. O presente poderia ser humilde e sem grandes atrativos, mas para Elvis significava tudo.

Quando era jovem demais para entender completamente o que era ser pobre, sua mãe fazia todo o esforço do mundo para que seu filho não se sentisse diferente das outras crianças da vizinhança nesse dia. Se os seus amiguinhos ganhavam presentes, Gladys, mesmo sozinha, pobre e sem recursos, arranjaria uma maneira de presentear seu filho. Elvis ficava extremamente feliz pelas pequenas lembranças que sua mãe trazia para a noite de natal e conforme foi ficando adulto compreendeu melhor o significado dos presentes que recebia de sua amada mãe. Anos depois, já rico e famoso, entendeu completamente o ato de Gladys nessas ocasiões e procurou fazer o mesmo, sempre presenteando pessoas que passavam por dificuldades.

Ao longo da vida Elvis mostrou toda a sua generosidade. Não é segredo para ninguém todos os atos dele dando presentes a amigos, parentes e até desconhecidos. Era uma forma que Elvis encontrava de retribuir o que havia recebido. Também era uma maneira de manter o espírito de Gladys vivo. A morte da mãe, quando estava prestando serviço militar na Alemanha, foi um fator decisivo na vida de Elvis. Quando ela morreu Elvis ficou arrasado e quando a primeira noite de natal sem Gladys chegou ele se trancou em seu quarto e chorou por toda a noite, completamente sozinho. O falecimento dela já era por si devastador e passar a noite natalina sem que fosse ao seu lado foi um dos piores sentimentos que sentiu em sua vida. Os presentes dados a Elvis nesse ano ficaram quase uma semana embaixo da árvore de natal, intocados. Para Elvis o natal havia perdido muito do seu significado. A noite que deveria ser uma das mais alegres e felizes do ano se tornaria logo uma das mais depressivas, pois Gladys não estava mais lá para compartilhar o espírito natalino ao seu lado. Era muito triste para Elvis, que tinha grandes lembranças dos natais passados. Sempre se lembrava com carinho do primeiro natal ao lado de seu pai, após cumprir pena, ou então do primeiro natal em uma casa própria, um dos grandes sonhos realizados pela família Presley. O último grande natal passado ao lado de Gladys inclusive ainda era uma lembrança feliz e recente, pois havia sido o primeiro natal na sua querida mansão Graceland.

Depois que voltou do exército Elvis resolveu reconstruir sua família, que a partir daquele momento seria basicamente formada por seu pai, sua avó e pelos amigos que Elvis considerava leais e bons companheiros. Em cada natal Elvis fazia questão de presentear a todos. Não era muito bom em receber presentes pois para Elvis o mais importante era presentear as pessoas, pois esse era o verdadeiro sentido da noite de natal. Embora tentasse demonstrar felicidade por fora, não era bem isso que sentia em seu interior. Ao longo dos anos isso foi bem notado por Priscilla Presley. Nessa época do ano Elvis decorava Graceland, comprava todos os enfeites imagináveis e transformava a própria mansão em uma grande e pomposa árvore de natal. Convidava todos e procurava se divertir o máximo que podia, porém como bem deixa claro Priscilla em sua autobiografia, ela sempre notava um ar de tristeza, melancolia e depressão em Elvis nessas ocasiões. Era impossível esquecer Gladys e no natal isso era particularmente doloroso.

Embora tenha passado felizes natais ao lado de seus amigos e esposa durante a década de 60 o natal voltou a se tornar um momento triste para Elvis quando Priscilla o abandonou anos depois. Para Elvis natal significava basicamente família e quando o divórcio saiu ele não tinha mais o que celebrar. Isso foi decisivo para o crescente sentimento de solidão que se abateu sobre ele em seus momentos finais. As últimas noites de natal da vida de Elvis foram melancólicas. Atormentado por diversos problemas pessoais e de saúde o cantor não reunia mais ânimo para celebrar como nas ocasiões anteriores. Em algumas dessas noites Elvis descia por poucos momentos para ficar ao lado de seus amigos e familiares e voltava logo após aos seus aposentos. Em outras nem descia, trocando felicidações de natal com todos pelo circuito interno de tv da mansão. O natal nunca mais seria o mesmo sem sua querida mãe, Gladys, e sua esposa, Priscilla, que amou até o fim da vida. Após sua morte a família Presley decidiu que o natal sempre seria especial em Graceland, como nos bons anos em que Elvis o celebrava. Dessa forma não há um só ano em que o presépio não seja montado em frente a mansão, tal como Elvis tanto gostava. Graceland também ganha luzes, enfeites e brilho nessa época do natal. Agindo assim o espírito natalino que um dia foi tão festejado por Elvis e Gladys jamais se apagará em seu querido lar.

Um Feliz Natal a todos!
Pablo Aluísio.

3 comentários:

  1. poxa e bom saber mais da vida de elvis.mas e ruim saber que ele no fundo era triste uma pessoa que sempre tentou agradar a todos

    ResponderExcluir
  2. poxa e bom saber mais da vida de elvis.mas e ruim saber que ele no fundo era triste uma pessoa que sempre tentou agradar a todos

    ResponderExcluir
  3. Pois é Maria, pelas coisas que passou Elvis acabou criando uma personalidade melancólica

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Elvis News - Elvis: A Life In Music / Um Grammy para Jailhouse Rock / Novos CDs / Robbie Williams e Elvis

Elvis: A Life In Music - Está sendo lançado em países de língua alemã o famoso livro escrito por Ernst Jorgensen intitulado "Elvis: ...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates