Home » » For LP Fans Only (1959)

For LP Fans Only (1959)

Depois de terminar "King Creole" Elvis foi convocado pelo exército norte americano. Não haveria mais namoros com estrelas de cinema, festas em Hollywood e shows pelo país. Elvis trocaria seu violão por um rifle e um capacete! Dá para imaginar? De uma hora para outra Elvis deixou os mais luxuosos hotéis dos Estados Unidos pela lama da Alemanha. Também não haveria mais gravações pela RCA, ou seja, durante os meses que se seguiriam a carreira do maior ídolo da música americana simplesmente pararia! O jeito foi inventar alguns discos para ao menos amenizar as quedas nas vendas. Com Elvis servindo o exército na Alemanha a RCA resolveu reunir algumas de suas músicas para a composição deste LP. Deste modo aqui temos canções que fizeram parte de trilhas de Elvis como "Poor Boy" do filme "Love me Tender" (ama-me com ternura, 1956) junto de outras do seu período da Sun Records como "That's All Right" e "Mistery Train". Salada geral mesmo. Uma curiosidade sobre este disco é a não inclusão do nome do cantor na capa e nem na contracapa, o que causou uma certa perplexidade na época. Elvis Presley era tão popular que isto se tornava um mero detalhe. O disco não alcançou o sucesso esperado chegando a um desolador décimo nono lugar nas paradas. O fato de ser o primeiro LP do rei a não chegar ao Top 10 da parada norte americana talvez se explique por este ser um trabalho que só trazia reprises. Seu pouco sucesso não é proporcional à sua qualidade porque sem dúvida este é um ótimo disco. De certa forma foi uma maneira encontrada pela RCA Victor de oficializar algumas músicas importantes da carreira de Elvis que só havia sido lançadas antes em singles da Sun Records. O disco foi lançado nos Estados Unidos em Fevereiro de 1959 e curiosamente não chegou às lojas da Inglaterra na época! Em seu lugar foi lançado no Reino Unido um LP intitulado "Elvis" que possuía uma mistura aleatória de músicas de seu primeiro LP norte Americano com algumas outras canções que, inclusive, estão presentes neste disco. Nesta mesma época Elvis liderava as paradas americanas com dois singles de enorme sucesso, que foram gravadas antes de Elvis partir para a Alemanha: "One Night / I Got Stung" , primeiro lugar em outubro de 1958 e "A Fool Such As I / I Need Your Love Tonight" que chegou ao topo em maio de 1959. As músicas deste "LP exclusivo para fãs" são:

THAT'S ALL RIGHT (Arthur Grudup) - Esta é uma música histórica! Foi a primeira canção interpretada pelo cantor a ser lançada comercialmente pela pequena gravadora de Sam Cornelius Phillips: Sun Records. Foi gravada no dia 7 de julho de 1954 por um simples caminhoneiro do Tennessee que ganhou uma chance de provar seu talento graças a interferência da secretária de Phillips, Marion Keisker, que insistiu com o patrão para que ele proporcionasse uma chance para o "Cara de Costeletas". Elvis virou a versão de "Big Boy" pelo o avesso e criou as bases estéticas do Rock'n'Roll! O Rock não é só a mistura de vários ritmos americanos, mas também uma postura positiva e satírica diante da vida e Elvis foi o primeiro a se expressar desta forma criando o "Rockabilly". "That's All Right (mama)" pode ser considerada uma das dez canções mais importantes da história da música pop do século XX. Em 2003 foi eleita a música mais inovadora da história.

LAWDY, MISS CLAWDY (Price) - Outro grande momento da carreira de Elvis que foi gravado no dia 3 de fevereiro de 1956 nos estúdios da RCA em Nova Iorque. Foi lançada como lado B de um single com "Shake, Rattle and Roll" em Agosto de 56. Era uma das preferidas do Rei do Rock. Na foto ao lado: Elvis desembarca na Alemanha, onde é recebido por uma multidão de fãs!

MISTERY TRAIN (Parker/Phillips) - Foi lançada originalmente em 1953 pelo grupo Jr.Parker & The Blue Flames pela própria gravadora Sun Records. A Versão de Elvis Presley foi lançada como lado B do quinto e último single de Elvis pela Sun Records em agosto de 1955. A partir deste momento o cantor deixava de ser um sucesso regional para se tornar um fenômeno internacional. Todos os compactos lançados pela Sun foram posteriormente relançados pela RCA Victor e este não fugiu à regra. "Mistery Train" é uma das canções mais expressivas da carreira de Presley e a que melhor retrata sua passagem pela gravadora de Memphis. Até hoje ela nos passa um sentimento positivo e feliz perante a vida. Foi lançado um filme chamado "Mistery Train" do diretor Jim Jamursch trazendo uma bela homenagem a Elvis e aos anos 50.

PLAYING FOR KEEPS (Kesler) - Lado B do single "Too Much" lançado em janeiro de 1957 num momento em que a sua carreira estava no auge, na crista da onda. É uma bela canção romântica que com certeza embalou muitos corações mundo afora. Elvis possuía um dom especial de transmitir emoção através de sua música.

POOR BOY (Presley / Matson) - Outra boa canção da trilha sonora de "Love me Tender" (ama-me com ternura, 1956). Para muitos uma música apenas bobinha e sem conteúdo, para outros apenas um country fabricado em Hollywood e sem o selo de qualidade Nashville. Mas tirando toda a diversidade de opiniões, "Poor Boy" é apenas uma canção que cumpre sua função de forma eficiente durante o filme. Dá uma chance a Elvis para mostrar uma boa apresentação e cantar de forma descontraída. Essa canção, assim como todas as outras dessa trilha sonora, embora tenham sidos creditadas à autoria da dupla Elvis Presley / Vera Matson, não foram compostas por eles. Elvis praticamente nunca escrevia as músicas que cantava e seu nome foi incluído apenas para que ele participasse nos royalties da canção (Essa aliás era uma atitude bastante comum durante os anos 50). Já Vera Matson que aparece nos créditos das canções ao lado de Elvis é a esposa de Ken Darby, diretor musical da Fox. Por problemas autorais ele resolveu colocar o nome de sua mulher para dividir os créditos da canção, que inclusive foi inteiramente composta por ele.

MY BABY LEFT ME (Arthur Grudup) - Outra de Arthur "Big Boy" Grudup interpretada por Elvis. Ela foi lançada originalmente pelo próprio autor em 1946. A Versão de Elvis Presley foi gravada no dia 30 de janeiro de 1956 em Nova Iorque nas mesmas sessões de gravação que deram origem ao LP "Elvis Presley". Foi lançada como lado B do single "I Want You, I Need You, I Love You" em maio de 1956. Este é um Rock'n'Roll de primeira qualidade trazendo todas as características que fizeram deste gênero o mais popular do século.

SHAKE, RATTLE AND ROLL (Calhoun) - Clássico dos anos 50 que foi imortalizada na voz de Bill Halley and the comets. Ao longo dos tempos esta música foi sendo gravada por diversos outros nomes como Little Richard e os Beatles. A versão de Elvis Presley foi gravada no dia 3 de fevereiro de 1956 sendo lançada como single em Agosto do mesmo ano. Sem dúvida é uma das melhores interpretações do cantor e uma das mais vibrantes músicas da história do Rock.

I WAS THE ONE (Schroder / DeMetrius / Blair / Peppers) - Lado B do single "Heartbreak Hotel" lançado em Janeiro de 1956. O single alcançou o primeiro lugar nas paradas e esta música em si chegou ao vigésimo terceiro lugar na Top 100 da Billboard. É uma terna balada que sem dúvida figura entra as melhores do Rei. Muitos anos depois fez parte de um single em CD.

YOU'RE A HEARTBREAKER (Salle) - Lançada em janeiro de 1955 como lado B do terceiro single de Elvis pela Sun Records. No lado principal o compacto apresentava a canção "Milkcow Blues Boogie". Elvis a gravou em Memphis no final de 1954. Só contou com a participação dos "Blue Moon Boys", ou seja, Presley, Bill Black no contrabaixo e Scotty Moore na guitarra.

I'M LEFT, YOU'RE RIGHT, SHE'S GONE (Keisler/Taylor) - Outro lado B de um single de Elvis pela Sun Records. Esta canção foi lançada junto com "Baby Let's Play House" em Abril de 1955. De certa forma este disco "For LP Fans Only" se complementa com o LP "A Date With Elvis" pois os dois trazem em seu repertório músicas dos primeiros singles de Elvis Pela Sun Records de Memphis.

Ficha Técnica: (músicas da RCA Victor) Elvis Presley (vocal, violão e piano) / Scotty Moore (guitarra) / Chet Atkins (guitarra) / Bill Black (baixo) / D.J. Fontana (bateria) / Floyd Cramer (piano) / Short Long (piano) / Gordon Stocker, Ben e Brock Speer (acompanhamento vocal) / Produzido por Steve Sholes / Arranjado por Elvis Presley e Steve Sholes / Gravado nos RCA Studios - Nova Iorque e Nashville / Data de Gravação: 10,11,30 e 31 de janeiro e 3 de fevereiro de 1956 / Ficha Técnica: (músicas da Sun Records) Elvis Presley (voz, violão e guitarra) / Scotty Moore (guitarra) / Bill Black (baixo) / Jimmie Lott (bateria) / Johnny Bernero (bateria)Ficha Técnica: ("Poor Boy") Elvis Presley (vocal, violão e guitarra) / Vito Mumolo (guitarra) / Mike Rubin (baixo) / Richard Cornell (bateria) / Luther Rountree (banjo) / Dom Frontieri e Carl Fortina (acordeon) / Arranjos e producão: Ken Darby / Gravada em Agosto de 1956 nos estúdios I da 20th Century Fox em Hollywood.

Pablo Aluísio.

5 comentários:

  1. Obrigada Pablo pelas informações.
    Muito me enriquece sobre tantos detalhes sobre Elvis.
    Abraços, Áurea

    ResponderExcluir
  2. Pablo:

    Alem do fato de não haver o nome do Elvis na capa do LP, o que, como você disse, demonstra a sua enorme popularidade, é a foto dele em si: o Elvis está quase loiro, que, ao que se consta, era sua cor de cabelo natural.

    ResponderExcluir
  3. Olá Áurea,
    Eu que agradeço sua visita. Fico muito contente em saber que nossos textos estão lhe enriquecendo sobre a história de Elvis Presley. Continue nos acompanhando. Abraços, Pablo Aluísio.

    ResponderExcluir
  4. Olá Serge,
    Isso mesmo. A foto captou a cor natural dos cabelos de Elvis - algo raro de se ver em sua discografia. Abraços, Pablo Aluísio.

    ResponderExcluir
  5. Avaliação:
    Produção: ★★★★
    Arranjos: ★★★★
    Letras: ★★★★
    Direção de Arte: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 8,6

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Elvis Presley - The Next Step Is Love

The Next Step Is Love (Evans / Barnes) - Quando Elvis resolveu retomar o rumo de sua carreira e deixar Hollywood para trás ele procurou e...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates