Home » » Blue Hawaii

Blue Hawaii

Trilha sonora do oitavo filme de Elvis Presley, que no Brasil, recebeu o título de "Feitiço Havaiano". Este disco se tornou um enorme sucesso de vendas quando foi lançado em outubro de 1961, se tornando o disco mais vendido da carreira do cantor. Ele atingiu rapidamente o primeiro lugar ficando nesta posição durante 5 Meses!!! (recorde absoluto). O single extraído da trilha com "Can't Help Falling in Love / Rock A-Hula Baby" também acompanhou o grande sucesso deste filme. "Blue Hawaii" (feitiço havaiano, 1961) seria o grande responsável pelos rumos que a carreira de Elvis iria tomar a partir daí. Praticamente todos os seus filmes posteriores iriam seguir a fórmula desta película, com o roteiro versando sobre garotas bonitas, praias turísticas e o interesse romântico do personagem principal. A direção do filme ficou novamente a cargo de Norman Taurog e a estrela seria novamente a atriz Joan Blackman que já havia contracenado com Elvis em "Loving You" (a mulher que eu amo, 1957). O roteiro era baseado no romance "O rapaz Havaiano da praia" e a estória versava sobre um jovem de família rica, recém saído do exército, que tentava vencer na vida sozinho. O disco, é claro, segue a mesma temática do filme e Elvis pelo menos no caso desta trilha nos brinda com algumas belas canções que ficaram imortalizadas na sua voz e que iriam se incorporar definitivamente em seu repertório de Shows durante os shows dos anos 70. "Blue Hawaii" (feitiço havaiano, 1961) é isso aí: um filme bonito de se ver, mostrando os pontos mais turísticos das ilhas havaianas, com Elvis pegando umas ondas com seu "jacaré", namoros, diversão e música. Talvez por ser sido tão "relax e na paz" tenha tido tanto sucesso. Estas são as canções de "Blue Hawaii" (LSP 2426) :

BLUE HAWAII (Robin/Rainger) - Música título do filme. A versão original desta canção foi lançada em 1937 por Bing Crosby para a trilha do filme "Waikiki Wedding". Em 1957 o cantor Billy Vaughn a relançou com grande sucesso. Finalmente Elvis gravou sua versão em 22 de março de 1961. Sem sombra de dúvida é uma bela canção que faz jus ao talento do Rei do Rock. A crítica Pauline Kael escreveu sobre "Blue Hawaii": "Elvis parece que deixou sua moto e seu casaco de couro negro à la Brando de lado e o trocou por uma prancha de surf! Só uma coisa parece não ter mudado: seu topete para fazer filmes bobinhos".

ALMOST ALWAYS TRUE (Wise/Weisman) - Música deliciosa e empolgante da trilha. O grande destaque fica com a maravilhosa participação do Saxofonista Boots Randolph. O elenco de "Blue Hawaii" (feitiço havaiano, 1961) contava ainda com Nancy Winters, Angela Lansbury, Roland Winteres e Joan Blackman. O filme foi produzido por Hall Wallis para a Paramount Pictures.

ALOHA-OA (Queen Liliuokalani) - Esta é uma canção folclórica das ilhas havaianas. Foi creditado seu arranjo musical ao próprio Elvis e alguns fãs mais exaltados afirmaram que a divindade citada na letra era o próprio cantor!!? O roteiro foi escrito por Allan Weiss, que escreveu a maioria dos filmes de Elvis, anos depois ele diria: "minhas ordens eram claras: faça uma estória de base para Elvis cantar suas canções e é só".

NO MORE (Yradler/Robertson/Blair) - Adaptação do grande sucesso mundial "La Paloma" do compositor cubano Sebastian Yradler. A adaptação foi feita por Don Robertson, que novamente compareceu em estúdio para ajudar nas gravações. É um dos mais belos momentos de toda a carreira de Elvis Presley. Aqui fica claro que quando o Rei contava com material de ótima qualidade ele demonstrava toda a plenitude de seu talento. A inclusão desta canção italiana se justifica porque o personagem de Elvis serviu o exército na Itália. Assim ele a canta para seus amigos na praia para mostrar o som que rolava nas forças armadas.

CAN'T HELP FALLING IN LOVE (Peretti/Creatore/Weiss) - Canção baseada em "Plaisir d'Ámor" do compositor francês de origem alemã Jean Paul Martini. A versão de Presley foi muito feliz pois foi muito bem adaptada. O maior sucesso do filme. Quando foi lançada em Single em Novembro de 1961 alcançou um enorme sucesso de vendas. Nos anos setenta ela seria utilizada como desfecho de todos os seus shows. Nos anos 90 o grupo UB40 faria uma nova versão de grande sucesso.

ROCK A HULA BABY (Wise/Weisman/Fuller) - Lado B do Single "Can't Help Falling in Love". Vinha classificado no compacto como "twist special". A verdade é que esta não é uma canção do ritmo imortalizado por Chubby Checker e sim apenas mais uma canção pop da trilha. Curiosidade: as filmagens, ao contrário do que pode parecer, foram um tédio para Elvis. Ele afirmou depois que tinha que ficar trancado no Hotel e só descia para as tomadas de cena. Elvis não poderia sair à praia para se divertir como um pessoa comum, pois certamente iria acontecer um tumulto, assim ele só sairia do hotel para realmente trabalhar.

MOONLIGHT SWIM (Dee/Weisman) - Um dos melhores momentos do disco contando com a ótima vocalização feminina de Doroth McCarthy, Virginia Rees, L.Jean Norman e Jackline Allen. A canção foi sucesso em 1957 com Tony Perkins e Nick Noble. Elvis a canta no filme em um carro, junto de turistas que ele leva para conhecer as plantações de abacaxi da ilha havaiana.

KU-U-I-PO (Peretti/Creatore/Weiss) - Bela balada romântica. Nos anos setenta durante o show "Aloha from Hawaii" Elvis gravou algumas músicas deste filme, que não constaram no disco original com a trilha do especial de TV e que só saíram no mercado através do disco "Alternate Aloha" muitos anos depois.

ITO EATS (Tepper/Bennett) - Esta é uma música muito fraquinha da trilha. As trilhas sonoras de Elvis nos anos sessenta apresentavam canções de qualidade misturadas com musiquinhas como esta. O importante é sempre separar o que é realmente bom das ruins. O diretor Norman Taurog dirigiu ao todo nove filmes de Elvis. Era considerado um diretor de estúdio e não um cineasta. Sempre que Elvis foi dirigido por grandes diretores como George Sydney em "Viva Las Vegas" (amor a toda velocidade, 1964) ou Michael Curtiz em "King Creole" (balada sangrenta, 1958) ele apresentava um grande trabalho como ator.

SLICIN' SAND (Tepper/Bennett) - Realmente a dupla de compositores Tepper e Bennett não estavam em seus melhores dias quando compuseram algumas canções deste filme. Esta é outro exemplo de como se desperdiçar o talento de Elvis em bobagens. O filme foi lançado nos Estados Unidos no dia 14 de novembro de 1961 e foi o maior sucesso de Elvis Presley no cinema.

HAWAIIAN SUNSET (Tepper/Bennett) - Outra canção bem ao estilo das ilhas do pacífico. Aqui fica registrado a participação de Bernie Lewis na Steel Guitar, Fred Tavares e Alvino Rey no Uekele a orquestração complementar do filme pelo maestro Joseph Lilley. Tudo muito relax e na paz, bem no espírito do Havaí.

BEACH BOY BLUES (Tepper/Bennett) - Blues que é muito bem executado por Elvis e seus músicos, porém mais uma vez fica evidente a péssima qualidade da letra. Esta sem dúvida é uma das piores letras de todos os tempos só sendo superada talvez pela canção "Yoga is a Yoga Does" do filme "Easy Come, Easy go" (meu tesouro é você, 1967) e "A Dog's Life" do filme "Paradise, Hawaiian Style" (no paraíso do Havaí, 1966).

ISLAND OF LOVE (Tepper/Bennett) - Canção bem ao estilo Havaiana. Para caracterizar bem o clima do havaí foram chamados alguns músicos como "The Surfers" para acompanhar o Rei. O filme "Paradise, Hawaiian Style" (no paraíso do Havaí, 1966) foi uma tentativa mal sucedida do empresário de Elvis em repetir o sucesso desta película.

HAWAIIAN WEEDING SONG (King/Hoffman/Manning) - Canção que Elvis cantou para Priscilla na sua lua de mel segundo o próprio relato dela no livro "Elvis e Eu" (Elvis and Me, Editora Rocco, 1985). Pode-se encontrar duas versões ao vivo desta canção gravadas pelo cantor nos anos setenta. Uma está presente no já citado disco "Alternate Aloha" e a outra que faz parte do trabalho musical póstumo "Elvis in Concert". Termina assim a trilha, como no filme, com a "canção havaiana de casamento"

Ficha Técnica: Elvis Presley (vocal) / Scotty Moore (guitarra) / Tiny Timbrell (guitarra) / Hank Garland (guitarra) / D.J. Fontana(bateria) / Hal Blaine (bateria) / Bernie Matinson (bateria) / Floyd Cramer (piano) / Dudley Brooks (piano) / Boots Randolph (sax) / George Fields (gaita) / Bob Moore (baixo) / Bernie Lewis (steel guitar) / Fred Tavares (ukelele) / Alvino Rey (ukelele) / The Surfers (vocais) / The Jordanaires (vocais) / Produzido por Joseph Liley e Hall Wallis / Arranjado por Joseph Liley / Gravado no Radio Recorders, Hollywood / Data de Gravação: 21, 22 e 23 de março de 1961 / Data de Lançamento: outubro de 1961 / Melhor posição nas charts: #1 (EUA) e #1 (UK).

Texto escrito por PABLO ALUÍSIO

2 comentários:

Postagem em destaque

Elvis News - Elvis: A Life In Music / Um Grammy para Jailhouse Rock / Novos CDs / Robbie Williams e Elvis

Elvis: A Life In Music - Está sendo lançado em países de língua alemã o famoso livro escrito por Ernst Jorgensen intitulado "Elvis: ...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates