Home » » How Great Thou Art - Parte 3

How Great Thou Art - Parte 3

Stand By Me (Charles Tindley) - Elvis tinha a discografia completa do grupo vocal The Harmonizing Four. Em sua opinião esse tinha sido o melhor grupo harmônico de todos os tempos. Ora, desnecessário concluir que dentro dessa opinião havia uma grande dose de subjetividade típica de um fã - e Elvis Presley era justamente isso em relação ao Harmonizing Four, um grande fã. A música original foi composta pelo pastor metodista Charles Alfred Tindley. Sua história é bem importante pois ele foi um dos primeiros pastores negros de Maryland e hoje em dia é considerado um dos pais da música gospel negra americana. Falecido em 1933 (dois anos antes do nascimento de Elvis) suas canções se tornaram muito populares em comunidades evangélicas do sul, onde Elvis certamente veio as conhecer, ainda garoto. Quando o The Harmonizing Four gravou a música em um pequeno acetato, Elvis obviamente adorou, pois era a reunião de uma velha canção de seus tempos de infância com as vozes de seu grupo preferido. Depois dessa união, mais cedo ou mais tarde, ele também faria sua versão, algo que se concretizou justamente aqui nesse premiado e belo álbum gospel de sua carreira.

Without Him (Myron LeFreve) - O autor Myron LeFreve escreveu essa canção quando tinha apenas 17 anos. Embora fosse membro de uma tradicional família religiosa, era bem conhecido também em sua adolescência por ser um sujeito rebelde e dono de opiniões bem próprias. Depois que escreveu a música resolveu que a iria apresentar numa convenção de jovens compositores em Memphis. Entre o público havia um ouvinte bem atento em sua apresentação: ele mesmo, Elvis Presley, que dono de intuição musical à flor da pele decidiu ali mesmo que um dia a gravaria. Após o show o próprio Elvis foi aos bastidores conhecer LeFreve que prontamente aceitou seu pedido de gravação. Esse fato é bem interessante pois revela um lado de Elvis que poucos chegaram a conhecer, a do descobridor de novos talentos. Esporadicamente Presley ouvia alguma composição que o atraía e ele próprio não tardava a levar para o estúdio, sem se importar se era um grande compositor consagrado ou um novato talentoso. Para Elvis rótulos como esses tinham pouca importância - o que importava mesmo era a melodia da música lhe tocar de forma bem particular.

So High (Tradicional, Elvis Presley) - Como era de se esperar algumas músicas religiosas não trazem o nome de seus autores originais. Isso porque ninguém sabe ao certo suas origens, elas apenas surgem dentro das comunidades evangélicas e de lá ganham o gosto de outras paróquias na mesma região. Pressume-se que "So High" tenha sido criada em meados do século 18, em pequenas capelas de comunidades evangélicas negras no Mississippi. Alguns historiadores americanos dizem que seus primeiros registros surgiram em uma pequena igreja batista localizada no condado de Franklin. De qualquer maneira o nome exato de seu compositor (ou compositora) se perdeu no tempo. Como fazia parte do repertório das igrejas daquela região (não podemos nos esquecer que Elvis nasceu em Tupelo, no Mississippi) fica bem claro que Presley a conhecia desde seus tempos de garoto. Nascida no meio dos fiéis, a música só chegou dentro da indústria fonográfica nos anos 1940, inicialmente na voz de Rosetta Tharp e depois em um belo registro vocal de LaVern Backer em 1959. Como Elvis foi creditado como arranjador desse álbum, seu nome constou como criador no selo original do disco "How Great Thou Art" quando esse chegou nas lojas em 1967.

Where Could I Go But The Lord (James B. Coats) - O autor dessa música, James Buchanan Coats, nasceu no mesmo estado natal de Elvis, o Mississippi. Ao contrário de outros compositores de canções desse álbum, ele não era negro e nem pastor religioso. Na verdade Coats era um professor branco de música, que ensinou por muitos anos em escolas públicas da região de Summerland, Mississippi. Como era um estudioso de música popular e religiosa, ele começou a escrever canções que tinham como base a mesma estrutura musical e melódica das que conhecia em sua cidade natal. Desse verdadeiro experimento acadêmico nasceram várias canções, entre elas essa popular "Where Could I Go But The Lord". J. B. Coats escrevia suas músicas pensando em quartetos negros de gospel music, por isso há uma riqueza de detalhes muito presente nas notas vocais que criava. Ideal para um cantor como Elvis e seu grupo de apoio na época. Infelizmente o autor da música não chegou a conhecer a versão de Elvis Presley, que de certa forma imortalizaria sua obra, pois infelizmente morreu em 1961, bem antes de Elvis gravar esse álbum religioso.

Pablo Aluísio.

0 comentários:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Elvis News - Elvis: A Life In Music / Um Grammy para Jailhouse Rock / Novos CDs / Robbie Williams e Elvis

Elvis: A Life In Music - Está sendo lançado em países de língua alemã o famoso livro escrito por Ernst Jorgensen intitulado "Elvis: ...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates