Home » » Elvis Presley - Hot August Night

Elvis Presley - Hot August Night

Elvis Presley - Hot August Night - Outro novo CD que recupera uma apresentação de Elvis Presley em Las Vegas na sua temporada realizada em 1969. Como eu já descrevi antes não existem shows ruins nessa série de concertos, afinal de contas foi justamente essa temporada que revitalizou Elvis após anos e anos de filmes fracos em Hollywood. Foi sua volta aos palcos. Ele estava muito bem, tanto do ponto de vista físico como psicológico. Havia um clima de esperança no ar, de que coisas boas viriam em seu futuro. Ele próprio estava empenhado em cantar e se apresentar bem. Aliás sua vibração se torna bem nítida nessas gravações. Ele faz questão de cantar com profissionalismo, de mostrar o seu melhor lado como músico e como cantor. Las Vegas parecia um desafio e tanto em sua carreira naquele momento. Fisicamente ele estava ótimo, em plena forma, esbanjando carisma em cada nota musical. Isso nos leva a entender como Elvis reagia a desafios. Nesse caso seu desafio era conquistar Las Vegas, a cidade onde imperava Sinatra e sua turma. Quando Las Vegas deixou de ser um desafio em sua vida - lá pela quarta ou quinta temporada - Elvis desabou. Ele sempre foi assim. Conforme Las Vegas se tornou cotidiano, tedioso e habitual ele também perdeu interesse por suas apresentações. Começou a cantar mal, a falar abobrinhas em excesso e a dar vexames públicos (como bem presenciamos em suas caóticas temporadas de 1974, por exemplo).

Felizmente para o ouvinte essa realidade triste ainda estava bem longe quando Elvis realizou esse concerto. A apresentação foi realizada no dia 25 de agosto no chamado concerto da meia noite (Elvis geralmente realizava dois shows por noite por essa época). Aqui tudo é muito bom, sem qualquer mácula. Elvis transparece euforia, interage com o público, apresentando orgulhoso alguns convidados ilustres como Tom Jones (colega e amigo pessoal), Nancy Sinatra (a filha de Frank e antiga co-star dele em Hollywood) e Shelly Fabares (a estrelinha mais constantes em seus filmes pós 1965). Psicologicamente o Rei do Rock também estava em um bom momento. Ainda casado com Priscilla, ele estava livre da depressão que iria se abater sobre ele quando ela o deixou, três anos depois. O abuso de drogas que destruiria suas chances de fazer bons concertos no futuro também não dava sinais nos palcos (embora por essa época Elvis usasse algumas substâncias, nenhuma delas aparecia em quantidade suficiente para atrapalhar suas performances). Enfim é isso, um grande show, uma grande apresentação e um Elvis Presley vivendo um excelente momento em sua vida. Precisa de algo mais?

Elvis Presley - Hot August Night (2014)
Blue Suede Shoes
I Got A Woman
All Shook Up
Monologue
Love Me Tender
Jailhouse Rock/Don't Be Cruel
Heartbreak Hotel
Hound Dog
I Can't Stop Loving You
My Babe
Mystery Train/Tiger Man
Monologue
Baby What You Want Me To Do
Runaway
Are You Lonesome Tonight
Words
Yesterday/Hey Jude
Introductions
In The Ghetto
Suspicious Minds
What'd I Say
Can't Help Falling In Love

Pablo Aluísio.

1 comentários:

Postagem em destaque

Elvis News - Elvis: A Life In Music / Um Grammy para Jailhouse Rock / Novos CDs / Robbie Williams e Elvis

Elvis: A Life In Music - Está sendo lançado em países de língua alemã o famoso livro escrito por Ernst Jorgensen intitulado "Elvis: ...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates