Home » » Galeria de Imagens: Elvis Presley

Galeria de Imagens: Elvis Presley


Elvis Presley 1969
Elvis volta aos palcos em Las Vegas, após ficar praticamente uma década em Hollywood tentando levantar sua carreira no cinema. Embora não tivesse fechado as portas definitivamente para sua carreira de ator, Elvis sabia que o jogo estava acabado. O que ele tinha que fazer naquele momento era voltar aos palcos e investir novamente em sua carreira musical, essa sim considerada maravilhosa. O momento em que Elvis deu um basta ocorreu quando a MGM lhe enviou o roteiro daquele que seria seu próximo filme. Era a história de um cantor de rock que era enviado para a Lua, onde uma vez lá, com roupas de astronauta, encontraria uma espécie de base lunar cheia de garotas de biquíni. Era algo completamente medíocre, praticamente surreal e Elvis decidiu que era hora de voltar para a estrada, caso contrário ele seria jogado numa sucessão sem fim de filmes trash. Como o tempo provaria seria uma ótima e sábia decisão pois abriria as portas para uma das fases mais talentosas de sua carreira. De 1969 a 1977 Elvis retornaria para os concertos ao vivo e faria mais de mil apresentações durante esses anos. O Rei do Rock estava de volta!



Os Portões de Graceland
Na foto colorizada Elvis surge diante dos chamados Portões Musicais em Graceland, a sua mansão querida que o cantor comprou em 1957 para dar de presente para sua mãe Gladys Smith. Embora fosse aconselhado a se mudar para Los Angeles, onde a indústria do cinema americano tinha seus principais estúdios, Elvis jamais quis se mudar definitivamente de Memphis, a cidade que ele considerava seu lar. Assim ele adquiriu essa mansão que havia pertencido a um bem sucedido dentista da cidade. Mandou reformá-la mas sempre procurou manter sua arquitetura original. A única mudança mais significativa foi justamente esses portões que mandou encomendar a um artesão da região.


Elvis 1956
Foto restaurada de Elvis Presley tirada em uma apresentação no Alabama durante o ano de 1956. Esse período foi um dos mais bem sucedidos da carreira quando Elvis começou a ser mais conhecido nacionalmente e não apenas no sul dos Estados Unidos. Depois de ter saído da pequena gravadora Sun Records e ido para a poderosa multinacional RCA Victor o futuro parecia mais do que promissor para o jovem cantor.


Bicentennail Suit
Em 1976 os Estados Unidos celebraram o bicentenário de sua independência da Inglaterra. Para celebrar o patriótico Elvis apresentou ao seu público duas novas roupas de concerto, as conhecidas jumpsuits, macações temáticos que o cantor usava em suas apresentações. As duas roupas chamadas de Elvis Presley - Bicentennail Suit, acompanharam Elvis na imensa maioria dos shows desse ano. O cantor cumpriu uma das mais puxadas agendas de sua carreira, não raro fazendo dois concertos por dia, em praticamente todos os dias da semana. Como poucas vezes na carreira Elvis resolveu literalmente se doar para seu público.



Elvis, Alemanha, U.S. Army
Nessa rara foto tirada de Elvis enquanto ele servia o exército americano na Alemanha podemos perceber um fato bem curioso, pouco conhecido dos fãs. Ao longo da vida Elvis sofreu muito de Acne (que no Brasil é mais conhecida como espinhas). Sua pele era considerada oleosa pelos dermatologistas e isso facilitava o aparecimento do problema. Na Alemanha mesmo, tentando superar esse problema, Elvis acabou contratando os serviços de um falso médico, um sujeito meio maluco que só iria lhe trazer mais confusão. Depois de tentar um tratamento com vários cremes - e vendo que nada disso funcionava - Elvis resolveu mandar o sujeito embora que inconformado resolveu lhe ameaçar. Apenas após Elvis pedir ajuda ao capitão do seu regimento é que o tal falso médico que afirmava ser da África do Sul resolveu finalmente deixar Elvis em paz.


Elvis Peacock Jumpsuit
Mais uma roupa de show de Elvis Presley conhecida como Peacock Jumpsuit. O cantor a usou em meados de 1974, um ano bem turbulento em termos de concertos ao vivo de Elvis Presley. Talvez pelo uso excessivo de remédios, talvez por problemas pessoais cada vez mais frequentes e sérios, o fato é que Elvis parecia fora do controle em diversas apresentações, chegando ao ponto de ameaçar um funcionário de um hotel de Las Vegas que havia espalhado um boato de que o havia encontrado chapado de cocaína em seu quarto. O astro não se fez de rogado e em pleno palco disse que iria arrancar a língua do fofoqueiro pela raiz caso o encontrasse pela frente. Para sua sorte Elvis não topou com o sujeito depois disso.

2 comentários:

  1. Se não tivessse ido embora de Hollywood Elvis provavelmente seria soterrado por uma montanha de filmes B, sem qualquer qualidade cinematográfica.

    ResponderExcluir
  2. Certamente seria o fim dele, um fim prematuro e lamentável.

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Elvis Presley - The Next Step Is Love

The Next Step Is Love (Evans / Barnes) - Quando Elvis resolveu retomar o rumo de sua carreira e deixar Hollywood para trás ele procurou e...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates