Home » » Elvis, Alemanha, 1959

Elvis, Alemanha, 1959

Elvis Presley: Hoje na História
Data: 28 de setembro de 1959 / Fonte: Elvis, documento histórico / Texto: L. Gomes / Photo: American Photo Library / Local: Frankfurt, Alemanha Ocidental. Elvis dá baixa no exército e volta para os Estados Unidos - Nem bem Vernon encontrou sua mulher, Elvis também achou a sua. Foi em agosto de 1959, que ele conheceu Priscilla Ann Beaulieu. Sentado na sala num fim de semana à noite, ele viu entrar a mais bela adolescente do mundo. Priscilla parecia um anjo de 14 anos. Ela veio com Currie Grant, um colega de Elvis, e ficou até às onze horas. Quando Priscilla voltou para sua casa (na cidade de Weisbaden) seus pais estavam à sua espera. Não haveria mais visitas a esse tal de Elvis Presley. Priscilla nem se incomodou, pois não pensava que Elvis quisesse vê-la de novo. Imagine sua surpresa quando soube por intermédio de Grant que Elvis estava querendo um novo encontro no fim de semana. Junto com Grant, ela acabou persuadindo os pais. Currie Grant fez um bom serviço, explicando que Elvis era um jovem exemplar, que vivia com o pai e a avó de forma respeitosa, e que as festas de fim de semana eram inocentes reuniões onde moças e rapazes tocavam piano e cantavam, comendo pizzas e tomando refrigerantes. Quando ao problema de Priscilla chegar tarde em casa, Elvis colocaria um carro à disposição, para trazê-la e levá-la. Naquele fim de semana, Priscilla voltou a Bad Nauheim. Gradualmente o ritmo de suas visitas mudou para duas ou três vezes por semana e, eventualmente, quatro vezes por semana. Lamar ia buscá-la em Wiesbaden, logo no começo da noite, e dirigia uma hora até chegarem em Bad Nauheim. Depois, no fim da noite, outra longa viagem de volta. Assim que a frequência dessas visitas aumentou, seu objetivo mudou. Agora, em vez de festinhas em volta do piano, o famoso herói sexual, e sua "teen angel" passavam a noite no quarto sozinhos, conversando sobre carros, cinema e maquiagem. Mas o que pensavam os Beaulieu, ao ver sua filhinha ir passar a noite com um notório símbolo sexual? Bem, quando Priscilla contou a Elvis que as mentiras que era forçada a inventar para explicar porque chegava em casa tão tarde da noite, não estavam mais colando, e que isso poderia por um fim às visitas, Elvis decidiu ir direto ao coração do problema.

Ele e Vernon telefonaram aos Beaulieu e marcaram uma visita. O que disseram aos pais de Priscilla não se sabe exatamente, mas é bastante provável que tenham explicado que, um dia, quando Elvis deixasse o exército e restabelecesse sua carreira artística, ele iria querer se casar e cuidar da família. Embora nenhuma promessa de casamento tenha sido feita nesse primeiro encontro, essa ideia estava implícita na mente de todos. A Sra Beaulieu chegou a dizer a filha que sua relação com Elvis representava a "oportunidade de sua vida". Por volta de setembro de 1959, Elvis viu os primeiros sinais de que sua carreira estava revivendo. Hal Wallis veio de Hollywood para supervisionar o trabalho de uma 2ª unidade de produção, que iria filmar algumas cenas de fundo para o primeiro filme de Elvis depois do exército. Logicamente, o filme iria explorar dramaticamente suas aventuras na Alemanha, como recruta do Tio Sam. Elvis não gostou nada da ideia, mas guardou seu descontentamento só para si. Ele queria papéis que não apenas explorassem versões fantasiosas de sua vida, mas nunca disse nada ao produtor Wallis. Elvis passaria toda a sua longa carreira em Hollywood lamentando-se do fato de não ganhar bons papéis. O que ele nunca aprendeu é que atores não ganham bons papéis – eles exigem. Os últimos meses na Alemanha passaram rapidamente. Três semanas antes de dar baixa, Elvis mandou sua família de volta para Memphis. No dia final ele embarcou em um DC 7 no aeroporto de Frankfurt, de volta aos Estados Unidos. 

Single nas lojas: - A Fool Such As (B.Trader) - Lançada originalmente em 1952 por Hank Snow pela RCA. Balada romântica excepcional que marcou toda uma época! A vocalização dos Jordanaires se faz presente de forma maravilhosa pois ecoa em harmonia com a voz do Rei. Elvis chegou a concorrer a um Grammy de "Melhor canção do ano" por esta música. Ela foi gravada no dia 10 de junho de 1958 contando com as preciosas colaborações de Chet Atkins na guitarra (que iria se tornar o produtor de Elvis nos anos sessenta), Floyd Cramer no piano e Buddy Harmon nos bongôs. "A Fool Such As I" se tornou um dos maiores sucessos da carreira de Elvis. Mesmo ausente, servindo o exército na Alemanha, Elvis alcançou o primeiro lugar nas paradas inglesas e o segundo nas paradas americanas. Confirmando que sua popularidade continuava em alta no mundo todo. I Need Your Love Tonight (Wayne/Reichner) - Aqui esta uma ótima canção pop que possui um ritmo gostoso e fluente. Elvis a gravou em Nashville, a capital da música country and western, no dia 10 de junho de 1958 naquela que foi sua última sessão de gravação antes de servir o exército americano. Foi lançada como Lado B do single "A Fool Such As I" em março de 1959 atingindo o quarto lugar nas paradas.

3 comentários:

  1. Elvis, Alemanha, 1959
    Elvis: Documento Histórico.

    ResponderExcluir
  2. Essa Vernon, pai do Elvis, era, literalmente, um vagabundo (não gostava de trabalhar) e, também, era meio canalha, uma vez que mal a Gladys morrera ele já a substituiu por outra mulher, ato que que magoou muito o Elvis que idolatrava sua mãe e que nunca gostou da sua madrasta. Pobre Elvis, tão idolatrado e sempre só.

    ResponderExcluir
  3. De fato, Vernon se aposentou na prática aos 38 anos de idade. Ele também tinha tido muitos problemas antes, chegou a ser preso por falsificação de cheques. A família Presley sofreu um bocado naqueles tempos.

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Elvis Presley - Snowbird

Elvis Presley - Snowbird (G. Mac Lellan) - O álbum "Elvis Country" começa com uma música que curiosamente não foi gravada nas s...

Pesquisar este blog

 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates